ameacas-climaticas o eclipse solar do seculo a floresta hoia baciu ufos fenomenos o caso de bergen nova jersey segredo obscuro ex funcionario da nasa

A existência de um décimo planeta no Sistema Solar


Foi no início de 2016 que os astrônomos Konstantin Batygin e Mike Brown (este o descobridor de Eris e um dos responsáveis pela reclassificação de Plutão como planeta anão) propuseram a existência do Planeta Nove, um mundo com cerca de metade da massa de Netuno ou dez vezes mais massivo que a Terra, e que influencia as órbitas de vários Objetos do Cinturão Kuiper (KBOs). Esse planeta ainda hipotético está sendo procurado pela comunidade astronômica e caso exista e seja rochoso pode se revelar como uma super-Terra. Os cálculos de Batygin e Brown o colocam a uma distância entre 500 e 700 AU do Sol (ou 25 vezes mais distante que Plutão), lembrando que uma AU ou Unidade Astronômica é a distância média entre a Terra e o Sol, cerca de 150 milhões de quilômetros.
Agora foi publicado um artigo, assinado por Kat Volk e Renu Malhotra do Laboratório Lunar e Planetário (LPL) da Universidade do Arizona defendendo a existência de um décimo planeta em nosso Sistema Solar. Eles analisaram órbitas de uma população de 600 KBOs, situados bem distantes do Sol, e descobriram que suas órbitas estão em média 8 graus inclinadas em relação ao plano geral das órbitas dos planetas. Eles afirmam que o Planeta Nove não pode ser o responsável por esse efeito já que, caso exista, está muito distante. Apresentaram, portanto a proposta de que uma "massa não observada", de tamanho entre o da Terra e Marte, poderia ser responsável pelo efeito. Ou seja, um ainda não identificado Planeta Dez.



Esse mundo ainda hipotético estaria situado muito mais próximo do Sol que o Planeta Nove, ao redor de 60 UA do Sol. A inversão dos números se deve ao fato de que a existência do Planeta Nove foi proposta antes da do Planeta Dez. Alguns astrônomos duvidam que um corpo dessas proporções e orbitando a tal distância do Sol ainda não tenha sido observado, mas Volk e Malhotra afirmam que, conforme seus cálculos, o Planeta Dez estaria atualmente passando diante da densa porção central de nossa galáxia, a Via Láctea. Assim, a imensa quantidade de estrelas ao fundo impediria que fosse observado facilmente. Os cientistas ainda apresentaram outra possibilidade, a que uma estrela houvesse passado nas proximidades do Sistema Solar e alterado a órbita dos KBOs estudados. Contudo, isso deveria ter ocorrido nos últimos 10 milhões de anos, o que é considerado muito improvável. Há muito existem teorias de mundos ainda desconhecidos nos limites do Sistema Solar, e caso de fato existam o Planeta Nove e o Planeta Dez poderão ser os primeiros de uma série de novos mundos.
Compartilhar Google Plus

Autor Fator X

👽 ola eu sou o autor do blog Fator X quero agradecer a você desde já por esta aqui nos visitando. nosso blog tem a finalidade de discutir assuntos de Diferentes Tipos de Eventos curiosidades lendas ufologia etc. fique a vontade para Compartilhar com seus amigos

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

https://dfatorx.blogspot.com.br/

https://dfatorx.blogspot.com.br/

Downloads

Arte do blog feita por colaboradores

Arte do blog feita por colaboradores